This is Ohaawa wamacua's Typepad Profile.
Join Typepad and start following Ohaawa wamacua's activity
Join Now!
Already a member? Sign In
Ohaawa wamacua
Recent Activity
O faz perder as oposiços nao sao numeros que a afarelimo inventou mas sim o cogumelismo que caracteriza essas oposicoes e ganancia pelo poder e tacho. A frelimo so pode ser tirada do poder que faz sofrer o moçambicano se haver uma forte uniao para um unico candidato.
so para despersar vo apenas. aparecer agora e querer ir as presidenciais, uma brincadeira de mau gosto. para apenas favorecer o sofrimento do povo
Senhores da Oposicao saibam que um partido libertador que esta desajustado com a conjuntura actual e democratica so pode ser removido do poder com UNICO candidato da OPOSICAO. Irem a eleicao dispersos favorece a manutencao da fraude facil da Frelimo para continuacao e expansao dos homens armados em cabo delgado, corrupçao e colonizacao da china. Pense bem sr deviz simango que seu partido esta seriamente enfraquecido. escolham um e unico candidato. O podemos vai a presidencial, foi conhecido aonde? sera so para estragar o voto de vitoria da revoluçao. Pensem bem senhores. As mentes do povo estao cientes dos males da Frelimo mas Deus vaiajudar.
Tudo vai sair fora ainda mais se EUA julgarem Chang Manuel e ha muita coisa.
Podemos, sera que vem salvar o povo das brincadeiras da Renamo que oferece vitrias para a Frelimo perpectuar se no poder a fazer sofrer o povo? vamos ver
A Renamo de Ossufo Momade ter resposta dessa pergunta ate quando as oposicoes vao assistir as barbaridade desse partido frelimo: Preparar os rangers e temiveis comandos para uma guerra seria de divivisao do pais ao save. Sudao do sul viveu longos anos sob fogo cruzado de humilhacao do Norte sudao mas libertou se agora esta a gerir as sua difificuldade democraticas sem colonizacao do norte. Ossufo Momade tem capacidade para activar o seu departamento de relacoes exteriores para explicar ao mundo o que se passa em moçambique sobretudo EUA, RUSSIA, FRANCA, REINO UNIDO, ISRAEL blococos que antagonicos que apoiam a Frelimo. Deve se informar esse papa que vem a situacao real.
• Porquê se distraem com as tentativas de sobrevivência brutal do regime caduco do Partido Frelimo? • Desde 1994 que as armas calaram, decorreram eleições com a Renamo armada. A Frelimo com suas forças manipulou eleições e governou no seu estilo de fazer sofrer o povo. • Frelimo e Renamo quem deve ser desarmado é a Frelimo para que as eleições reflictam a vontade do povo. Ora Vejamos: o Frelimo tem como suas armas: CNE, STAE, FIR, POLICIA, SISE, SERNIC, FAMIGERADO CONSELHO CONSTITUCIONAL que reprova todas reclamações da oposição e apadrinha fraudes, PROCURADORIA, ESQUADROES DE MORTE, CORRUPÇAO e JUSTIÇA. Tudo para manter a Frelimo a governar sem legitimidade. o A renamo tem como suas armas: Material bélico arrancado aos meninos no teatro de guerra e os moralizados e sacrificados rangers. Estas forças da Renamo em todos cenários de eleições sempre existiram e não fizeram nada, a Frelimo cometeu fraudes a seu bel prazer em conluio do Dlakama que usava a venda de vitorias para sua economia pessoal. A atenção e o foco actual deve ser de como desarmar a Frelimo e acabar com o uso das instituições do estado para seus fins. Este é o grande problema que destrói toda democracia quando o voto do povo não é respeitado. e não desviar atenção para um assunto que não é perigo.. O senhor Nyusi e seus seguidores devem saber que aqueles rangers não estão a sofrer lá na gorongoza porque comem aquilo que querem. Aqueles Rangers estão ao serviço do povo para encontrar formas básicas de ser alternativa sobretudo eliminar o colonialismo domestico que a Frelimo montou.g
O tribalismo na frelmo iniciou com machangane estudiosos quando estes humilharam nacionalistas de 1a hora os nkavandames e esta a prosseguir agora sao makondes que consolidam a corrupçao a todos niveis apadrinhando individuos que usam o partido para seus fins pessoais e de seus grupos. hoje a frelimo faz uma propaganda de sobrreivencia Unica alternativa que resta apenas deluuir Frelimo para estabelecer Frente democratica de moçambique que tinha sido anançada por Adriano gwambe nessa alturra. fRAUDES QUE CONFIAM JA VAI SE ENCURRALANDO. aTE BREVE
Este pais pertence aos gangs de corruptos nao ha mulher nao ha homem todos colocados em posicao que permite esquemas de enriquecimento ilicito aproveitam se bem. H um tal fulano que nem de ineligencia sabe natural de manica velho que nem conhece cifra na secreta que foi director do sise em nacala a velha que por subornos tem duas viaturas velhas que adquiriu la por estes esquemas que agora esta num distrito perto de cuamba que tentotou ter os mesmos beneficios ilicitos de nacala a velha. sem sucesso. hoje escandalizou a governacao do distrito. casos desses de nacala sao muitos. O tal Mario brito nao reitor da Uni Rovuma nao e quele que foi falado de corrupcao nepotismo e assedio sexual na delegacao da UP nampula? hoje reitor. A governacao da Frelimo esta insuportavel por carga de ma goveernacao e crimes. Assim vai moçambique. as forças da frel ja estao em prontidao combatica CNE STAE. FIR, CONSELHO CONSTITUCIONAL SISE. A oposicao esta a fazer o que para evitar fraude. Frel e camisa velha e rasgada.
Toggle Commented May 7, 2019 on O Juiz Cesar de Nacala at Moçambique para todos
Tudo o que tem principio tem fim. Estamos numa irreversivel queda e fim dum eixo do mal em moçambique que se chama Frelimo. Este parido deve ser apagado mesmo ou avancar se para Frente democratica de moçambique como opinava adriano guambe chefe da udenamo em 1960. Agora e hora. essa coisa de Frelimo ja passou porque ostentar esse termo nesta altura por carga de crimes hediondos que esssa organizacao cometeu e continua a cometer nao vai ajudar. Filipe nyusi deve ser substituido porque ele foi a liderança da frelimo para elevar a etnia makonde e nao criar transparencia e equilibrio na sua actuacao. O pais pertence a Vale e chineses e estrangeiros moçambicano esta escravizado dentro da sua terra. por favor Deus omnipotente escorraçe a Frelimo da lideranca do pais.
Aquela fantasma chamada Helena Taipo prejudicou muito o distrito de Malema. Esta senhora e o tal Nihia usam o distrito de Malema em Nampula para sua reputacao pessoal interna no partido Frelimo. Em 2009 nas eleicoes em campanha foi a chuhulo sua terra natal prometer energia de cahora bassa em 2 meses ate agora na mandou la. o distrito de malema esta numa ma governacao por conta dessa mulher e o tal Nihia que nem valorizam onde seus umbigos jazem. Tudo tem fim mesmo isso e o clamor do povo de malema que sente na pel sua accao. Para els Frelimo e ela e sus familiares la em cotocua resultado a oposicao esta muito viva nas mentes das pessoas.Viva deus.
Exmos senhores Ossufo Momade e oposição Pensem no seguinte com muita atenção 1. O departamento das relações exteriores da oposição deve fazer compreender os EUA, Rússia, França, Reino Unido, Itália, Portugal e a famigerada União Africana que o povo moçambicano está a sofrer com a Frelimo. 2. Está em preparação ao desarmamento da Renamo enquanto a Frelimo vai continuar armada até aos dentes com suas forças: CNE, STAE, conselho constitucional, Sise, FIR, policia, justiça etc, etc. Vimos uma cara sem vergonha de Atanásio Ntumuque a apelar os temíveis gangers empossados para despir a cor partidária deles e servir com imparcialidade o povo mas enquanto essas forças servem os interesses obscuros da Frelimo. 3. A Renamo já esta a entregar as listas para enquadramento dos seus oficiais em todas as forças que a Frelimo usa para se perpetuar no poder. A Renamo deve instruir muito bem desta vez para esses quadros oriundos deste partido bloquear toda e qualquer tentativa de fraude e enchimento de urnas. A Renamo deve desmantelar seus temíveis ragers depois de um plano tão forte de como contornar as artimanhas da Frelimo. 4. A Frelimo canta realizações no meio de grandes injustiças, realizações de fraca qualidade. Estamos já no 44º ano da governação da Frelimo em Moçambique e assistimos o enriquecimento de um punhado de indivíduos, o regionalismo aumentou e o colonialismo doméstico foi consolidado. 5. Em várias províncias sobretudo no norte do país encontramos funcionários públicos humilhados e excluídos com 3 a 4 anos a reclamarem seus pagamentos sem serem interessados. As assimetrias regionais que beneficiam o sul são cada vez mais assentes. 6. Para este partido o povo moçambicano é irracional que só pode ser ouvido em tempos de eleições gerais para garantir a sua permanência no poder a humilhar o povo. 7. Tudo isso por culpa do Dlakama que andou a vender a vitoria para beneficio pessoal e dos seus amigos. A Renamo venceu quase todas eleições gerais por cansaço do povo, mas dlakama aceitou derrota com cumplicidade do ocidente e o povo está a sofrer. 8. Já é tempo de a oposição unir-se e ouvir o clamor do povo. Frelimo é uma camisa velha e seu tecido já está velho e não se deve consertar. 9. Oposição deve-se organizar e unir-se para atender ao clamor do povo oprimido. Moçambique vai conhecer outro rumo justo com a Frelimo fora do poder. 10. A oposição deve se organizar e aproveitar a campanha que a Frelimo faz por sua má governação para incutir nas mentes das pessoas nova mentalidade.
RESOLVER A QUESTÂO DE PAZ DEFINITIVA EM MOÇAMBIQUE O grande problema que existe na actualidade em Moçambique por combater é o conformismo que os partidos políticos devem ter para com a vontade do povo expressa nas urnas. No nosso pais, atenção ao desarmamento da Renamo não é o problema crucial por ultrapassar tão já. O problema em Moçambique está na negação da vontade que o povo expressa na urna para experimentar uma nova roupagem de governação, que um partido perdedor usa para se manter no poder e o mais engraçado é que fica no poder a causar insistententemente o sofrimento ao povo. Vamos aos factos: em 5 eleições a Renamo venceu quase todas sendo em 1994, 1999 e 2014 com vitoria convincente mas que o saudoso Afonso Dlakama motivado por seus interesses pessoais e de amigos dele aceitou derrotas que não existem ao invez de seguir o exemplo da Costa do Marfim. Nas autárquicas a Frelimo venceu por manobras fraudulentas: compra de inteligência aos distraídos e propaganda falsa e enganadora aos não atentos, uso de pessoas distraídas de fora das autarquias e enchimento de urnas com ajuada das suas forças CNE, STAE, FIR, Exercito e conselho constitucional que valida. Nas recentes eleições autárquicas havidas em 2018, a Renamo venceu nas terras dos macuas e sul e o centro despertou que é preciso mudar a roupa que está totalmente rasgada por uma outra que pode dar um novo visual: ganhou a Renamo em Nampula, Monapo, Ilha de Moçambique, Angoche, Nacala Porto, Malema, Chiure, Mandimba, Alto Molocue, Marromeu, Cuamba e Matola, zonas que entendem que é melhor mudar de comida e não todos os dias Caracata com tokossado, mas a Frelimo manipulou com ajuda de suas tropas em Monapo, Mandimba, Matola, Alto Molocue, Marromeu com enchimento de Urnas. Qual é o sentimento do povo nessas autarquias? Total desolação o que motiva abstenção e votos nulos nas eleições seguintes. O combate cerrado das acções da Frelimo é o que deve ser prioridade porque fica um cancro que a qualquer momento com ajuda de Deus poderá surgir um descontentamento generalizado. Em Marromeu a Frelimo recorreu a táctica de enchimento de urnas com apoio do seu exercito (Sise, CNE, STAE) para ganhar a força a eleição contra a vontade dos munícipes que querem outro ar. Todas reclamações da Renamo foram mais uma vez ignoradas pelo famigerado conselho constitucional. Este é o cenário que o mundo deve combater vigorosamente porque não faz sentido falarmos de democracia enquanto a vontade popular é desprezada para manter um partido no poder. O sofrimento do povo moçambicano sofre actualmente tem como problema Frelimo e suas redes de corrupção e ma governação. Para este problema ser resolvido é preciso que este problema seja resolvido a sua causa do problema e não os sintomas que o povo sente presentemente. Jorge Valente Namicopo-nampula
Luisa Diogo visionaria sim na defesa dos males da Frelimo e nao do Pais. O pais precisa viragem porque Deus ja disse que a Frelimo esta fora do baralho
Toggle Commented Feb 27, 2019 on Luísa Diogo visionária at Moçambique para todos
Senhores dirigentes da Renamo e Comunidade Internacional Assunto: Negociações para paz definitiva em Moçmbique entre Frelimo e Renamo Vamos ao desfecho do processo de pacificação política do país ciente dos seguintes pontos: O grande problema que Moçambique enfrenta na actualidade chama-se Partido Frelimo e o seu sistema de governação desastrosa que dura quase eternamente há 43 anos. O Partido Frelimo é o mais armado até aos dentes e usa propaganda enganadora e suborno às potencias democráticas e doadores mundiais para expor uma face irreal de democracia interna enquanto assiste-se uma espécie de genocídio silencioso aos moçambicanos no geral. As armas que a Frelimo possui são: CNE, STAE, Policia, tropas, FIR, Conselho constitucional, SERNIC, Tribunais, SISE, académicos distraídos e Procuradoria. Com estas armas a Frelimo implantou em Moçambique: a Corrupção, Compra de consciência dos distraídos, nepotismo, exclusão, subornos enchimento de urnas, assimetrias em que uma etnia é dominante no país. Moçambique vive dividido ao save desde 1975. A Frelimo está a negociar porque no teatro das operações militares foi severamente derrotada pelos temíveis rangers moralizados da Renamo. A situação que Moçambique vive não difere da dos países como: Venezuela, Congo democrático, Libia, Iraque, entre outros em que a população estava e está muito humilhada com a riqueza duma minoria que pertence a tribos dos donos dos países. Moçambique ficou independente em 1975 e volvidos já 43 anos o país continua sem avanço em varias esferas mas a Frelimo propala desafio de desenvolvimento que não existe e caracterizado por realizações de qualidade extremamente baixas devido a má gestão que implantou. Todos temos que pensar o que vai acontecer a renamo desarmada e a Frelimo permanentemente armada. A Frelimo não quer sair do poder porque tem medo de seus donos serem julgados em massa mas o tempo vai julgar. A Renamo vai se desarmar para dar liberdade a Frelimo eliminar o povo e a dignidade humana com as suas poderosas armas. Desesperadamente a Frelimo está preocupada em vitória eleitoral a todo custo mesmo com a situação de fraqueza interna que se verifica no partido. A Frelimo argumenta que nos países desenvolvidos para vitória compra-se votos e quem vence são os ricos. Só que a Frelimo não percebeu que esses ricos que vencem as eleições governam sem se interessar no enriquecimento ilícito e fazem tudo para promover a transparência e não implantação de clientelismo e corrupção aguda. Os dirigentes da Renamo com Dlakama a cabeça foram culpados e sempre favoreceram a continuação da Frelimo no poder mesmo o povo querendo em voto para experimentar outro partido, porque quase todas as 5 eleições esse partido venceu mas entregou o poder ao partido Frelimo. Hoje por carga de má governação e crimes que cometeu, a luz do levantamento da consciência do povo o partido frelimo está no seu nível mais baixo de popularidade em todo país. Os primeiros sinais de revolta contra o colonialismo saíram dos macondes e os primeiros sinais de revolta contra o partido frelimo sai dos macuas. A Frelimo não ganha por simpatia do povo mas sim através de jogadas protegidas pelas suas tropas. E o mais arrepiante é assistir académicos desdobrarem-se em defesa dos males que a Frelimo comete mesmo cientes de males visíveis a olho nu. A oposição moçambicana está seriamente dividida e ao invés de fazer uma forte coligação para desenhar a verdadeira esperança do povo, apenas maior parte dela aparece em pleitos eleitorais sem agenda clara para simplesmente comer dinheiro e voltar ao buraco aguardar pela próxima vez. A Renamo deve unir as suas alas PDD, MDM e os rangers para a verdadeira libertação de Moçambique e o seu departamento de relações exteriores deve ser mais actuante na explicação da verdadeira situação horrível de Moçambique. A sociedade civil deve deixar de ser mera cobarde sem accoes concretas para expor a verdadeira situacao do país. Aos orgaos de imprensa privada nomeadamente a verdade, savana, Zambeze, o país, Stv, Miramar entre outros devem ajudar libertar este Moçambique seriamente humilhado. Anli Calau Muaco – Namicopo/Nampula
Ja explicamos a Renamo que a Frelimo e a mais militarizada de todos. A Frelimo tem como forças que lhe protegem: conselho constitucional, CNE, STAE, Policia, FIR UIR, PROCURADORIA, Justiça, militares e esquadroes, estas forças operam sob olhar indiferente e cumplice dos comandos da Renamo apaziguados pelos fantoches chefes desse partido e a frelimo conrinua a humilhar o povo. em quase todas eleiçoes a Renamo venceu mas deixou o poder para a Frelimo. agora lamentam o que? fraudes sucedem mas a Renamo continua a negociar co a frelimo sabendo que eleiçoes e fraudes sao o grande problema.
A renamo e um partido traidor do povo. Vai recorrer aonde se esse orgao para onde vai remeter a reclamacao e uma das armas da Frelimo ao lado de outras armas CNE, STAE, Policia Fir, procuradoria, militares e satanas????? A Frelimo ja esta desgastada e graças a desuniao e traicao da oposicao que ainda se mantem no poder a causar dor ao povo.
A Frelimo quer se manter no poder a prejudicar o povo? o povo deve se levantar e experimentar outra camisa porque a actual esta totalmente rora. comer sempre caracata? Nao!
Exclusão de Venâncio Mondlane e AJUDEM das eleições autárquicas em Moçambique Compatriotas residentes no sul, É uma vergonha que os 3 regimes hediondos sobreviventes em Africa (ZANU-PF, MPLA e FRELIMO) praticam nos seus países. Querem sobreviver a todo custo embora cientes de que o vento não sopra a seu favor e chegou a hora de partirem. ZANU –PF e MPLA tentam se retratar, tomando medidas correctivas embora poucas para alinhar as suas politicas aos actuais desafios e modus vivendi democrático. Em Moçambique a situação está caótica sob olhar da dita comunidade internacional movida pela fraca exposição da realidade real deste Moçambique por parte dp departamento das relações exteriores da oposicao RENAMO e MDM. Eu já disse em varias ocasiões que o partido mais armado em Moçambique chama-se Frelimo através das suas armas químicas chamado conselho constitucional, policia, FIR, SISE, SERNIC, CNE, STAE, etc. Assim, estas armas assaltarem o poder do povo para a Frelimo em todas 5 eleições gerais por legitimação de fraudes em protecção da Frelimo. Todo mal ligado a Frelimo não tem investigação conclusiva. Não se entende como se exclui Venâncio Mondlane da candidatura se Silvério Runguane se encontra nas mesmas situacoes. AJUDEM é excluída nas eleições por quiseram humilhar a família Machel. Percebe se sem precisar microscópio politico que estas exclusões tem têm mão da Frelimo por se sentir ameaçada pelo nível de impopularidade que existe nas mentes das pessoas. Compatriotas do sul e os distraídos, a Frelimo é analogamente uma camisa rasgada que mesmo tentar concertar não se consegue, arvore velha que já não consegue dar frutos saudáveis que mesmo adubando com que tipo de adubo não vai produzir nada. O que resta é mudar votando nas poucas congregações partidárias que existem. Não digo que votar na Renamo ou MDM que são os mesmos vai mudar algo para o melhor, so pelo simples mudar de rumo de voto massivo para um partido novo afigura-se importante porque cria desafios e competição de bem servir e alinhamento aos anseios da população. O exemplo disso é nacala porto que já conheceu alternância governativa que trouxe ganhos importantes para os munícipes. A Frelimo está a governar desde que o colono saiu de Moçambique e o epicentro mais gritante da ma governação se pode ver na vila de Mecuburi em Nampula. Nos cerca de 43 anos de independência o que a Frelimo implantou com sucesso foi Corrupção a todos níveis e mentes, exclusão, regionalismo, matanças, e aliciamentos. Os compatriotas do Sul devem compreender que nós moçambicanos do norte e centro povo oprimido estamos cansados vos assistirmos a votarem sempre na Frelimo para depois de pouco tempo voltarem gritar de humilhação e ma governação. Dai que digo surge et ambula e tentem apostar massivamente noutro partido, para a Frelimo ir se organizar na oposição já que não consegue faze-lo enquanto governa. Apelo aos jornais a verdade e outros exporem esta reflexão. As verdades devem ser ditas e consumidas. Jorge Valente (A voz da Verdade) Namicopo/ Nampula 6
EXCLUSÃO DE SAMITO E VENÃNCIO MONDLANE PARA AS ELEIÇÕES MUNICIPAIS EM MOÇAMBIQUE O grande mal que o país tem chama-se Frelimo, uma organização que causa e desespero do povo. A exclusão do candidato da Renamo e da AJUDEM para o município de Maputo é mais uma evidência da degradação moral da Frelimo que usa suas armas (CNE, STAE, Justiça, conselho constitucional, SERNIC, FIR, URI, Policia) para impor suas vontades. Foi necessário i ir-se a votação e como a Frelimo domina a CNE fez o seu bloqueio aos candidatos do povo com medo de perder e assim manter-se a humilhar os munícipes cegos de Maputo cidade e Maputo Matola. A Frelimo encontra-se numa situação muito fragilizada internamente com as diferentes alas internas a lutarem pela reputação. Agora resta o desfio do conselho constitucional para anular essa brincadeira de mau gosto da Frelimo. A oposição deve se unir para para salvar o povo do jugo colonial e repressivo da Frelimo. Só com uma oposição unida numa única frente contra o inimigo Frelimo será possível estabelecer a verdadeira democracia em Moçambique. l
So com acordos de intençao para desarmar a Renamo a Frelimo sente ser esperta e começa humilhar o povo. Que tal depois de os temiveis rangers serem enganados e entregar as armas o que sera do p+ovo moçambicano, a Frelimo nao vai dizimar as pessoas? A Renamo nao deve entregar as armas e deve continuar a preparaçao para enfrentar a Frelimo fortemenete armada em policia, CNE, STAE, policia conselho constitucional, Sernic, fir e uir - as armas potentes da Frelimo.
Nao seria de admirar que se desmembrassem esses partidos porque em moçambique nao temos oposicao mas sim um bando de famintos e sem agenda clara para salvar o povo do jugo colonial da Frelimo. A oposicao anda muito dividida pelo tacho e por isso nao conseguem libertar o povo.
Adiamento da sessão extraordinária do parlamento vs desmilitarização da Renamo Os argumentos que a Frelimo evoca para adiar a sessão extraordinária da assembleia da Republica que visa discutir e aprovar a legislação eleitoral adequada ao novo figurino politico moçambicano, são falsos, gratuitos, baratos, vergonhosos , vagos e de desespero. Ora bem, em Moçambique existem dois partidos armados: Frelimo e Renamo. Vejamos o estilo de belicismo de cada um destes partidos: 1. A Frelimo está armada ate aos dentes. Os instrumentos que usa para exibir a sua pujança belicista são STAE, CNE, Polícia, FIR, UIR, Justiça, bancada da Frelimo no parlamento, Procuradoria, Militares e conselho Constitucional. Estes órgãos são protectores do regime. E graças a desorganização da oposição que este partido ainda faz uma governação desastrosa do pais desde que o colono saiu do país. Estes órgãos intimidam e reprimem qualquer tentativa de manifestar aversão com actuação da governação do pais. A impunidade esta alta. Assimetrias estão bem desenvolvidas, a corrupção esta patente, clientelismo esta alto. Todo crime ligado a Frelimo não tem culpados e arrogância esta muito saliente. A degradação da moral e desepero acentuam-se a cada dia que passa no pais sobretudo no centro e norte repúblicas vassalas do sul. Em 43 anos de independência, muitos distritos andam numa governação desastrosa em que os administradores servem seus chefes e interesses do que o povo. Exemplo Mecuburi, Mavago, Quissanga, Macanga, Malema, Mussorize. O Troço Malema – Cuamba esta a 6 anos sem terminar mas se estivesse no sul já estaria concluído. Há muitos males com a Frelimo. A corrupção e ma gestão estão altos nos municípios governados pela Frelimo. 2. A Renamo está armada com os seus temíveis e corajosos rangers e comandos, que fazem tudo por tudo e com sacrifício para acudir o povo do centro e norte da tirania da Frelimo. Não vejo qual é o problema de se aprovar instrumentos de paz com ala militar da Renamo armada pois que já decorreram eleições neste pais que a Frelimo já manobrou as vitorias comprando vitorias da Renamo para se manter no poder em beneficio duma minoria. A Frelimo sempre canta realizações em estradas, hospitais, saúde, centros de saúde, escolas, carteiras etc, etc, mas não consegue resolver o problema principal da pobreza – a corrupção a altos níveis e assimetrias. A Frelimo de Guebuza esta muito preocupada por enfraquecer a Renamo para melhor reinar e extreminar o povo através das suas accoes maléficas para que o pais seja a nova Venezuela. O primeiro partido a se desarmar deve ser a Frelimo e não a Renamo, os instrumentos de repressão que a Frelimo tem, actuam impunentemenete sem problemas enquanto os temíveis rangers estão assistir em conluio da fallecido Dlakama. A Renamo e os seus rangers devem ser muito cautelos no seu desarmamento. Primeiro desarma-se a Frelimo depois a Renamo. Ate breve. k
A frelimo quer proteger a todo custo Armando Guebuza e a rede dele a troco do sofrimento do povo.
Essa impunidade que EUA notam deixam assim mesmo a fazer sofre o povo moçambicano. O problema que existe em mocambique chama-se FRELIMO e seus ideologos que desgraçam o povo a seu bel prazer. Notam que ha impunidade em moçambique mas nao fazem nada para libertar o povo porque nao tem interesses se fosse iraque, siria etc ja teriam escorraçado esse regime tribalista que esta neste pais. A frelimo e eixo do mal na actualdade.